YUJA WANG NY CITY, 2017

Navegue pelas diversas páginas

domingo, 21 de junho de 2015

JULIANA D'AGOSTINI, UMA LINDA BRASILEIRA, EM MAIS UM POST SOBRE JOVENS PIANISTAS, UNINDO TALENTO E BELEZA, MÚSICA E CLARO... O PIANO!


J
uliana D’Agostini, Uma pianista brasileira de nascida em 11 de setembro de 1986 ( hoje com 29 anos ) que vem impressionando desde os cinco. Bonita o suficiente a ponto de posar como modelo para pagar os estudos, Juliana formou-se se ano passado em piano na USP, ganhou prêmios, colheu elogios de nomes como o maestro Julio Medaglia e passou por importantes festivais de música clássica no Brasil e no exterior, como o Académies Internationales d’été du Grand Nancy 2009 (França), além de participar de master classes com conceituados pianistas estrangeiros, tais como Petr Jirikowsky (Conservatório de Praga) e Jyeon Kang (Coreia do Sul), entre outros. Em um dos vídeos dessa postagem, do programa Música de Bolso, gravado em sua casa, com Juliana de bermudas e descalça, ela interpreta Fantasie Impromptu, de Chopin, com técnica, domínio e sensibilidade admiráveis.


JOVENS PIANISTAS BRASILEIRAS, Juliana D'Agostini


Por Helvécio S. Pereira



Infelizmente não há registros públicos em tão grande número como são facilmente encontráveis de pianistas também de grande qualidade e de grande destaque internacional. Na mídia brasileira, tristonhamente é mais rentável e justificável um espaço para "marias chuteiras", "rainhas do bumbum" e frase desconexas de jogadores de futebol e toda sorte de celebridades b e/ou pior.


Do que consegui, fotos e vídeos dessa jovem da mesma geração de Yuja Wang e Káthia Buniastishvili e outras e outros. Uma prova disso é um dos vídeos da excelente pianista brasileira ter apenas 268 visualizções conta milhares e algumas mais de um milhão da também jovem, a chinesa Yuja Wang.










Nas entrevistas, através da fala de Juliana, somos levados a crer que para brasileiros, mesmo com uma situação favorável, as coisas parecem ser mais difíceis, e somos tentados a perguntar por que para nós na maioria das vezes as coisas são assim.




JULIANA D'AGOSTINI - ENTREVISTA



DURO TAMBÉM É VER OS ESFORÇO PATÉTICO DA MÍDIA PARA TENTAR "INTRODUZIR" A MÚSICA ERUDITA TIDA COMO CHATA( ?? ) E NÃO COMO UMA PRECIOSA AQUISIÇÃO HUMANA E UNIVERSAL, EXATAMENTE COMO É VISTA HOJE NA CHINA POR EXEMPLO, ONDE OITENTA POR CENTO DO PÚBLICO DE MÚSICA CLÁSSICA É HOJE ABAIXO DE TRINTA ANOS




MAIS PATÉTICAS SÃO AS CONCESSÕES MUSICAIS TENTANDO VENCER UMA PRESSUPOSTA RESISTÊNCIA À MÚSICA CLÁSSICA, IGNORADA E CONSIDERADA CHATA NA CULTURA DE NOSSO PAÍS, ALGO DESNECESSÁRIO EM OUTRAS CULTURAS, O MÚSICO ERUDITO NÃO TEM QUE EXATAMENTE DECAIR E FAZER UM ESFORÇO DESNECESSÁRIO PARA AMENIZAR O VALOR DA MÚSICA ERUDITA. 





Embora a Música seja uma única linguagem, a música erudita e a música popular possuem gramáticas diferentes, são como língua e dialeto, eficientes cada uma em contextos e aplicações diferentes. Não há como diminuir uma e crescer a outra artificialmente, ambas possuem sia singularidade. Como uma lingua falada o ideal é saber falar as duas, mantendo em cada uma sua integridade. Nesse caso é um erro apenas ser "educado" ignorando que uma éuma e outra naturalmente é outra, ambas tão eficientes para seus respectivos emissores e receptores, segundo a teoria da linguagem.



MAIS FOTOS DE JULIANA D'AGOSTINI












DERICO ( DO jÔ SOARES ) E JULIANA D"AGOSTINI




-
-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O QUE ACHOU DESSE ASSUNTO?

COMPARTILHE ESSE POST!

"GALHOS SECOS" ( PARA A NOSSA ALEGRIA )

PROVA QUE BRASILEIRO MÉDIO GOSTA MESMO DE ESQUISITICES É QUE A VERSÃO ACIDENTAL E PATÉTICA DESSA CANÇÃO TEVE MAIS DE 16 MILHÕES DE ACESSOS( dados já completamente desatualizados ) E ESSA NÃO!

AS MAIS VISTAS NO BLOG

AMADORES...quando vídeo e música se fundem

GALERIA DE ARTE

GALERIA DE ARTE
Retrato de mulher Artista Henrique Maciel BH/MG técnica Grafite sobre papel

Estamos cadastrados no BlogBlogs!

Marcadores